sexta-feira, 29 de junho de 2007

Hoje é o dia D.

Tudo pronto, tudo certo, tudo ótimo!

Hoje por volta das 21H00 estaremos na Paulista próximo a rua Frei Caneca, executando nossa primeira intervenção.

De cara temos de agradecer ao Otto que conseguiu um parecer jurídico que nos isenta de possíveis problemas, e agradecer também a One que está apoiando nosso projeto.

(Clique na foto à cim para ver exatamente onde no mapa vamos estar).

Usaremos a tecnologia de Laser Tag do GRL (Graffiti Research Lab).

Tudo será filmado e fotografado e depois postado aqui para deleite da galera.

Do lado direito está o TIG Car que eu e o Xoco terminados de montar hoje na parte da tarde e logo abaixo do lado esquerdo o Gerador que testamos e está funcionando a plenos 110v.

Como plano de contingência estamos pensando em ir para debaixo do MASP se chover ou o meu projetor de 2000 lumens não for suficientemente bom para projetar do outro lado da Paulista.

Laser verde na mão, projeção no carrinho de mão e muita, muita imaginação!

Até às 21 na Paulista, e que tudo dê certo! Vai dar! ;o)

4 comentários:

Otto Klaus disse...

E as novidades contadas no blog? Como foi?

Maldito show do Blue Man que me impediu de estar presente na Av Paulista!

Se bem que já fiz contato com os homenzinhos de azul para eles utilizarem nossa idéia nos próximos espetáculos!

Aguardo as news!

Ana Marla disse...

e aí, rolou?

Wille disse...

wille diz:
idéia: projetar um ebook em um prédio e sentar com uma cadeira na rua pra ler.

Marla diz:
ué, vc pode sugerir essa intervenção lá no blog do tig
eles podem filmar as pessoas lendo

pode ser um texto metalinguístico, falando sobre novas formas de comunicação e utilização de recursos tecnológicos

ou uma coisa da moda, tipo "o código da vinci" se fosse 2006

wille diz:
é bom pra quando a polícia chegar: "não seu guarda, a gente vai ler um livro aqui. não é baderna."

Marla diz:
aí ficaria mais clara a mensagem de "voê pode usar um novo recurso para fazer uma coisa usual"

que é o sentido da maioria das tecnologias que são acessíveis ao consumo... ninguém inventa coisas equivalentes ao teletransporte não só por causa da limitação tecnológica mas por causa da limitação ideológica

não conseguimos pensar em algo totalmente novo, inventamos mp3 portátil pra substituir o velho discman

Marla diz:
é, seria massa! vc não acha?

wille diz:
massa!

Marla diz:
que a limitação da produção pode refletir não só a limitação das condições mas também a limitação da imaginação?

wille diz:
lindo!

Marcel Campos disse...

Boa idéia essa! Mas teria de ser bem feito para não ficar monotono.

Mas a idéia é legal!